Início / Hqs e Livros / Precisamos falar sobre Kevin Smith

Precisamos falar sobre Kevin Smith

Kevin Smith é um conhecido Diretor, Ator e roteirista de quadrinhos norte americano. Além de escrever e dirigir seus filmes Smith atua como o personagem Silent Bob que aparece em quase todos os filmes.

kevin-smith

Kevin Smith é um dos meus diretores favoritos, embora os filmes dele não tenham nada de muito especial, não são grandes produções e tem mesmo quem questione seu trabalho o taxando de ser só um nerd chato e pretensioso que enche seus filmes de gags, referências nerds e que não oferecem mais nada além disso.

Eu não penso dessa forma, eu gosto bastante da grande maioria dos filmes, gosto dos diálogos e dos personagens, do jeito nonsense, das piadas bestas e sim, das referências nerds claro. Sendo que o que mais me atrai no trabalho de Smith é justamente o roteiro, os diálogos entre os personagens e os pontos de vistas apresentados nas conversas eu acho divertido pra caramba.

Hoje, dia 02/08/2016 o diretor completa 51 anos de idade. E como forma de propagar um pouco seu trabalho vou listar aqui algumas das coisas bacanas que eu assisti ou li dele. Então caso ainda não conheçam o trabalho do diretor, se puderem façam um esforço e tentem ver pelo menos Procura-se Amy, O Balconista ou Dogma para vocês terem uma ideia do que eu estou falando.

JSBSB-Jay-and-Silent-Bob
Snootchie Bootchies

O primeiro trabalho de projeção de Smith foi o filme o Balconista (Clerks), lançado em 1994 o filme ganhou o festival de Sundance e abriu as portas para o diretor. O filme é bastante simples e mostra um dia na vida de dois balconistas (sendo que um deles nem deveria estar trabalhando naquele dia), além de apresentar pela primeira vez os personagens Jay e Silent Bob que farão aparições constantes nos filmes posteriores do diretor e até ganharão seu filme próprio.

 

Na sequencia veio Barrados no Shopping (Mallrats, 1995), aqui a história se passa dentro de um Shopping Center (jura??) onde o protagonista vai tentar impedir sua ex namorada de participar de um programa de tv ao vivo onde o objetivo é formar novos casais. Para isso ele vai contar com a ajuda de Jay e Silent Bob para tentar sabotar o programa. O filme conta com a presença de Ben Afleck e tem a participação especial de Stan Lee.

 

Procurando Amy (Chasing Amy, 1997) tem Ben Afleck como protagonista, ele faz o papel de quadrinista em ascensão que se apaixona por outra quadrinista que é lésbica.  Em meio as tentativas de entendimento dentre os dois ele ainda tem que lidar com o ciúmes do seu parceiro de quadrinhos que não aceita a situação. Esse é um dos meus filmes favoritos do Kevin Smith, assim como os filmes anteriores o dialogo é melhor parte do filme, e o discurso do Silent Bob sobre o porquê de “Procurando Amy” é bem maneiro.

 

Dogma (1999) é um dos filmes mais polêmicos do diretor, ele trata diretamente sobre religião e traz nos papeis principais Ben Afleck e Matt Demon interpretando dois anjos que foram expulsos do paraíso e vão tentar ser perdoados, mas acabam colocando em risco toda a existência pois podem criar um paradoxo porque se eles fizerem isso provarão que Deus não existe e causarão um colapso na realidade. O filme conta também com a participação de Alanis Morissette que faz o papel de Deus, Alan Rickman (o Snape de Harry Potter), Salma Hayek (Um Drink no inferno)  e Chris Rock que faz o papel do 13º apostolo que foi esquecido de ser mencionado na bíblia por ser negro. Jay and Silent Bob também aparecem no filme.

 

Então chega a vez de Jay and Silent Bob ganharem seu próprio filme, Jay and Silent Bob Strike Back, intitulado aqui no Brasil com o nome de O Império do Besteirol Contra Ataca (é isso mesmo..), o filme segue uma linha temporal que pega elementos e personagens dos filmes anteriores para desenvolver a trama dele.

Na história Jay and Silent descobrem que vão fazer um filme sobre Bluntman e Chronic, que é baseado em quadrinhos  e que por sua vez são inspirados e licenciados pela dupla (é bom ver Procura-se Amy para entender melhor essa história), e eles não foram consultados a respeito e não querem ver um filme sobre eles sendo feito. Então eles decidem ir atrás dos responsáveis para impedir a realização do filme. O longa traz de volta diversos personagens e atores dos filmes anteriores de Smith interpretando seus papeis originais e conta com a presença de Mark Hammil, o Luke Skywalker de Star Wars.

 

Menina dos Olhos (Jersey Girl, 2004) é o filme mais normal, e um dos menos interessantes do diretor. É uma comédia romântica que traz Bem Afleck interpretando uma pai solteiro que tenta criar sua filha sozinho enquanto sonha em voltar pra cidade grande pra reviver seus dias como um famoso publicitário. Menina dos Olhos se passa em Nova Jersey, cidade natal de Kevin Smith, e é o filme mais pé no chão do diretor. Traz no Elenco Liv Tyler e conta com breves participações de Jason Biggs, Matt Damon e Will Smith. E não tem a participação de Jay and Silent Bob.

 

Em 2006 Kevin Smith decide fazer O Balconista 2, que mostra os dois protagonistas do filme anterior tendo que arrumar um novo serviço pois a loja de conveniência em que eles trabalhavam pegou fogo e eles vão ter que trabalhar num restaurante fast-food enquanto repensam os rumos de suas vidas. O filme já não é tão bom quanto o original, ou mesmo os filmes anteriores e apesar de ter diálogos bacanas deixou a desejar em muitos aspectos.

 

Pegando bem, que mal tem (Zack and Miri Make a Porno, 2008). O filme conta a historia de dois amigos, Zack and Miri, eles moram juntos e estão em situação financeira complicada com as contas atrasadas e prestes a serem despejados. Zack tem a ideia de gravarem um filme pornô para eles tentarem vender e arrecadar um dinheiro para pagar as contas. Zack and Miri traz Seth Rogen e Elizabeth Banks como atores principais e é o primeiro filme de Kevin Smith que se passa fora de Nova Jersey.

 

Além dos filmes citados acima Smith também dirigiu Reaper (2007), Cop Out (Tiras em Apuros, 2010 e Red State (Seita Mortal, 2011) filmes que não tem a mesmo impacto ou a mesma qualidade das suas obras citadas acima. Além de ter dirigido um episódio da série do Flash e trabalhado como roteirista para a TV.

kevin smith demolidor marvel

Nos quadrinhos seus trabalhos mais importantes são com o Demolidor ( O Diabo da Guarda e Demolidor e Mercenário: O Alvo) para a Marvel. Arqueiro Verde (O Espirito da Flecha e Sons da Violência), Batman (Cacofonia) para a DC Comics. E as obras baseadas em seu próprio universo criado no cinema como Chassing Dogma, pela Oni Press e Bluntman e Chronic, cujos personagens são Jay anda Silent Bob na sua versão Batman e Robin da maconha.

Curiosidades.

Kevin-Smith-

Kevin Smith escreveu o roteiro do filme do Demolidor, estrelado pelo seu amigo e parceiro Ben Afleck.

Ele também escreveu o roteiro para o filme do Superman que seria estrelado por Nicolas Cage, mas o filme nunca chegou a ser produzido.

Kevin Smith deu o nome de Harley Quinn Smith a sua filha em homenagem a personagem Arlequina.

Ele possui uma loja de quadrinhos em Nova Jersey e é um dos maiores Nerds que você vai conhecer na vida.

Gostou? Compartilhe!!!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Sobre Oni

Especialista em compras compulsivas. Mestre em largar jogos pela metade. Doutor em Leitura de livros com figuras. Príncipe em assistir séries pela metade . Rei da procrastinação. Deus do meu mundo.

Deixe uma resposta