Início / Hqs e Livros / Guerra Civil 2 #3 – Morre outro herói e o Tony Stark continua um mané

Guerra Civil 2 #3 – Morre outro herói e o Tony Stark continua um mané

A edição numero 3 de Guerra Civil 2 se passa no tribunal e mostra o julgamento do Gavião Arqueiro, acusado de matar Bruce Banner, mais conhecido como Hulk.

Guerra civil 2 projeto supremo

[Este post é todo composto de Spoilers, portanto fica ai o aviso, leia por sua conta e risco]

A segunda edição se encerrou mostrando o Inumano Ulisses tendo mais uma de suas  visões (e compartilhando essa visão através de um elo mental com os demais heróis presentes no local) de que o Hulk iria ser o responsável pela morte de inúmeras pessoas.

Essa terceira edição começa no tribunal com Matt Murdock questionando a Capitã Marvel, o Homem de Ferro e o Gavião Arqueiro pra nos mostrar retroativamente o que houve depois da revelação de Ulisses.

Os heróis partem juntos para falar com Bruce Banner a respeito da ameaça prevista por Ulisses. O Dr. Banner estava a 1 ano sem se transformar no Hulk e a principio ele não entende o porque de todos os heróis estarem na porta do seu laboratório procurando por ele.

clint barton e bruce banner guerra civil 2 #3

Enquanto eles explicam pra Banner a situação o também doutor Hank McCoy, o Fera, hackeia o computador do laboratório do Dr. Banner e descobre que ele vinha injetando células gamas mortas em si mesmo.

Em meio aos temores e a discussão sobre o que fazer com relação a esse fato uma flecha surgida do nada acerta em cheio o Bruce Banner e o mata. Logo em seguida o Gavião Arqueiro, responsável pelo disparo fatal, se entrega de forma pacifica não oferecendo nenhum tipo de resistência a sua prisão.

guerra civil 2 Clint Barton

E nisso voltamos ao ponto de inicio da revista em que Matt Murdok esta questionando os envolvidos para tentar entender a situação, ao mesmo tempo em que nos situa na história e mostra como fomos parar ali.

A terceira edição de Guerra Civil consegue aprofundar um pouco mais a discussão e eleva o nível que foi mostrado nos dois primeiros números. Tem mais dialogo e tentativa de se entender e as pessoas não saem simplesmente brigando e ficando putinhas umas com as outras sem antes tentar se entender.

Bom, quase todo mundo pelo menos, Tony Stark ainda continua meio estouradinho, tá certo que tão matando os manos dele tudo (primeiro o Maquina de Combate e agora o Hulk), mas ele jogando toda a culpa pra cima da Capitã Marvel como se ela fosse a única culpada disso tudo só mostra o quão cretino Tony pode ser com as pessoas.

tony stark manezão

O confronto entre a Capitão e o Homem de Ferro por vezes parece um pouco forçado, a forma como alguns personagens já estão tomando lados, como é o caso do Aranha Miles Morales e do Nova, é outra coisa que me incomodou um pouco também, foi meio que rápido ou jogado demais.

A Guerra Civil está se arrastando por um lado e jogando algumas coisas apressadas por outro lado. Mas de forma geral essa terceira edição aumentou um pouco mais meu interesse pela série, confesso que estava achando bem mais ou menos até então.

Agora é ver se Guerra Civil 2 vai conseguir se estabilizar mostrando uma boa argumentação e um pouco mais de ação, coisa que faltou nesse terceiro numero, e conseguir fazer uma história equilibrada e que mostre que Guerra Civil 2 não é só mais uma história caça níquel e sim uma mini série digna de nota no final das contas.

Civil_War_II_Vol_1_3_Textless

Gostou? Compartilhe!!!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Sobre Oni

Especialista em compras compulsivas. Mestre em largar jogos pela metade. Doutor em Leitura de livros com figuras. Príncipe em assistir séries pela metade . Rei da procrastinação. Deus do meu mundo.

Deixe uma resposta